Vale a pena investir em uma consultoria de marketing digital para pequenas empresas?

Olá!
Você ainda tem dúvidas se está na hora de contratar uma consultoria de marketing digital? Acha que seu orçamento é muito pequeno para “gastar” com marketing? Acredita ainda que o marketing digital não funciona para o seu negócio?  Este texto é para você!  
Como funcionava o marketing antigamente
Há não muito tempo, a única forma de uma marca atingir o público era através de grandes campanhas publicitárias em mídias offline como: comerciais de tv, rádio, entre outros. Comerciais em horários com maior pico de audiência valiam ouro e grandes empresas brigavam de foice por esses espaços. Nessa época, pequenas e médias empresa nem cogitavam a ideia de anunciar sua marca nesses espaços e dependiam praticamente do marketing boca a boca para crescer seu negócio.
A chegada do marketing digital
Para nossa sorte, não vivemos mais esse monopólio!
A chegada da internet trouxe milhares de novas oportunidades e espaços publicitários para anunciantes. Sites, redes sociais, aplicativos, stream de vídeo, emails. Tudo virou um espaço disponível para você anunciar a sua marca. Hoje, a cada 4 brasileiros, 3 possuem acesso a internet isso equivale a 134 milhões de pessoas, são números que só tendem a crescer com o passar dos anos. Com esse cenário, todos os modelos de negócio foram impactados e quem mais se beneficiou foram as pequenas empresas, que agora ganharam um espaço ao sol e podem anunciar para seu público sem gastar milhares de reais por isso.
Investir em anúncio patrocinado?
Investir em campanhas de marketing digital é uma ótima forma de alavancar seu negócio, independente do tamanho. Com elas você consegue definir o quanto você quer gastar para anunciar (sim, você pode gastar pouco e ter resultados incríveis com isso), quais os interesses do público que você quer atingir, qual a idade deles, o gênero, em qual região da cidade eles estão, quais sites acessam, quais os aparelho de celular que usam… As combinações são praticamente infinitas e eu podia passar o dia aqui falando delas. Campanhas de marketing digital, anúncios patrocinado, links patrocinados, impulsionar uma publicação, patrocinar uma publicação, ou seja lá como você queira chamar, possuem o poder de alavancar seu negócio se feito de maneira certa.
“Mas eu não tenho dinheiro para investir”
É um dos argumentos que mais escuto por aí. E tudo bem, o argumento é válido, ser empresário não é fácil e dificilmente investiremos em algo que não temos certeza que irá funcionar. Mas a verdade é que os custos com marketing são irrisórios comparados ao que ele pode trazer de retorno. No marketing digital, calculamos o sucesso ou fracasso de uma campanha baseado em uma sigla chama “ROAS” que significa retorno sobre o investimento Publicitário. Nessa conta calculamos quanto de retorno você teve com o investimento que fez em mídia. Exemplo prático do cálculo: Você é dono de um restaurante delivery e quer fazer uma promoção para vender um de seus pratos que custa R$25,00. Para isso, você separou uma verba de R$100,00 para investir no mês. No final do mês, notamos que foram vendidos 4 pratos, totalizando R$100,00. Isso quer dizer que seu ROAS foi de 1 e a cada R$1,00 que você investiu, você recebeu de volta R$1,00. Eu não posso afirmar que você terá um retorno “x” sobre o seu investimento, ninguém tem o poder de afirmar isso antes de rodar a campanha. Mas, com a experiência que tenho de mercado, se você tiver alguns componentes básicos de um bom negócio, como: bom atendimento, produto de boa  qualidade, preço justo e um bom gestor de tráfego (eu). São requisitos suficientes para você ter excelentes resultados anunciando na internet.
Quanto eu preciso separar para investir?
Aqui vai a resposta que você provavelmente vai odiar: depende.
Isso é mais uma questão pessoal do que um requisito. Para o gestor de tráfego, quanto mais verba, melhor. Isso por que com mais verba conseguimos testar mais coisas, atingir mais pessoas em menor tempo e podemos validar e escalar o negócio mais rapidamente. Bom… dinheiro ilimitado não é a realidade de ninguém aqui, não é mesmo? Então antes de definir seu orçamento, faça a seguinte pergunta: “Se tudo der errado nas campanhas, esse dinheiro vai me fazer falta?” Eu sei, eu sei… dinheiro sempre vai fazer falta. Mas separe algo que você pode gastar e ainda sim pague suas contas no final do mês sem perrengue.
Ta bom, Guilherme. Mas ainda não me convenceu a investir.
BELEZA! Vamos à minha última tentativa. Melhor ainda, vou mostrar meus 3 últimos motivos pelo qual você deveria começar a anunciar hoje mesmo.
1. Resultados facilmente medidos
“O que não pode ser medido não pode ser controlado, e o que não pode ser controlado não pode ser melhorado.”
Aqui está o grande ponto pelo qual as plataformas de anúncios online fazem tanto sucesso e geram tanto resultado para quem sabe utilizar. Qualquer centavo que investimos, sabemos exatamente para onde ele está indo, por que está indo para lá e se faz sentido ele continuar indo para lá. Em resumo, jamais vou jogar seu dinheiro fora. Ao menor sinal que as campanhas não estão indo bem, irei diminuir os gastos dela e otimizar até que gerem resultados satisfatórios para nós!
2. Quem não é visto não é lembrado
Hoje em dia, a decisão de compra está muito mais na mão do comprador do que da empresa.
“Como assim, Guilherme?”

Lembra do tempo que a gente ia até a loja e esperava encontrar aquele vendedor atencioso para nos explicar tudo sobre o produto, seus diferenciais para os concorrentes, suas qualidades, seu preço… Agora me diz, qual foi a última vez que você foi à uma loja sem saber absolutamente tudo sobre o produto que queria comprar? Difícil lembrar, né? Essa é a realidade de hoje, temos tudo na palma da nossa mão. Somos impactados por dezenas de anúncios diferentes todos os dias, muitas vezes conhecemos um produto que nem estávamos pesquisando e mal sabíamos que ele existia. Então já sabe, se você não aparecer para ninguém em nenhum lugar, dificilmente as pessoas irão conhecer o seu produto
3. De acordo com seu orçamento!
É um ponto que cheguei a comentar mais acima, mas vale ressaltar: você não precisa de milhões para começar!
Vamos aos poucos, dependendo do seu negócio R$100~R$200 já será uma excelente verba para começar.
Pense no seu produto:
Quanto ele custa?
Quanto você precisa vender por dia para o negócio lucrar?
Quanto você pode gastar para vender ele e continuar tendo lucro?
Geralmente essas perguntas nos dão um norte para começar.
Era isso!
Com muito
Guilherme Correia

Guilherme Correia

Marketing digital | Especialista em tráfego pago

Bora conversar?

Guilherme Lopes Correia
CNPJ: 36.295.193/0001-00

× Tire suas dúvidas aqui!